Arquivo

Archive for the ‘Artigos’ Category

Exportação de dados de uma Planilha do Excel para uma Lista do SharePoint

30 de março de 2010 Deixe um comentário
Em breve…
Anúncios
Categorias:Artigos

O que é SOA?

24 de setembro de 2009 Deixe um comentário

Você já ouviu falar em SOA? Se ainda não, é bom começar a entender a que significa essa nova sigla da sopa de letrinhas do mundo da tecnologia. Essa é a mais nova onda depois da do ERP (Sistema de Gestão Empresarial), que promete causar uma verdadeira revolução dentro das companhias, não apenas nas de grande porte. As pequenas também vão aderir SOA, que segundo os especilistas não é um modismo.

SOA é um tema que está na ordem do dia de qualquer CIO. Sua sigla é a tradução do inglês para arquitetura orientada a serviço. Trata-se de um conceito e não um produto que se compra numa caixa ou pacote. É uma nova metodologia que permite às companhias aproveitar as aplicações já existentes, inclusive em sistemas legados, para integração com os novos processos de negócios por meio Webservices.

A grande vantagem de SOA, segundo apontam os especialistas, é a redução do tempo no desenvolvimento das novas aplicações de negócios. De acordo com Regina Pistelli, CIO da Medial Saúde, é possível encurtar o tempo da produção de novas soluções em 40%, o que de acordo com a executiva pode fazer muita diferença quando a companhia precisa colocar um novo produto no mercado para sair na frente da concorrência 

Nesse caso, os prazos são encurtadas porque a área de TI não parte do zero na hora de criar uma nova aplicação. Alguns especialistas brincam que SOA é como um lego em que as peças vão se encaixando, sem que a empresa fique dependente de determinado fornecedor, já que sua filosofia prega a integração entre as diferentes tecnologias.

Um dos exemplos de SOA, é a integração do sistema de call center com o sistema de gestão empresarial para saber se determinado pedido será entregue no prazo, explica Gisele Boni, gerente de marketing de produtos da Avaya. Assim o sistema pode informar para produção o nível de estoque da matéria-prima, evitando que tal produto deixe de ser fabricado. Esses avisos podem ser feitos por meio de videoconferência e até por SMS. A empresa não precisará de uma pessoas fazendo esse controle. Poderá ter uma solução basedada em Webservices cuidando desta funcção, deste que funcione integrada com as outras plicações de gestão.

Para Gisele, o grande benefício de SOA para as companhias é a possibilidade de desenvolver aplicações customizadas para o seu negócio com mais facilidade para responder às demandas do mercado numa economia globalizada.

Potencial de mercado

A possibilidade de reaproveitar aplicações vai estimular muitas empresas a investir em SOA, projetam analistas da IDC que estimam que a implantação de projetos baseados neste conceit movimentará US$ 30 bilhões em 2010, com crescimento de 45% ao ano. Mas é na América Latina que adoção deste modelo está avançando mais rapidamente.

O índice de adesão cresce a taxas de 85% ao ano, diz Roberto Gutierrez, analista da IDC Brasil.
Sua explicação para isso é que SOA está chegando na região agora, enquanto em outros mercados o conceito está mais maduro. Gutierrez observa que o Brasil deverá deverá ser um grande laboratório para implantação desses projetos. Os segmentos de mercado que são público-alvo de SOA num primeiro momento são os banco e operadoras de telecomunicações. Essas organizações são muito pressionadas pela competitividade e adotação dessa arquitetura pode ajudá-las a chegar mais rapidamente a sua clientela e com redução de custos

Num primeiro momento, são as grandes companhias que estão adotando SOA, mas Frank Gens, analista da IDC Corporation, diz que a arquitetura não vai demoar para chegar aos pequenos negócios. “SOA não é modismo, é algo que veio para ficar”, prega o consultor. Porém, ele diz que os pequenos negócios vão entrar em SOA sem perceber. Isso acontecerá quando os fornecedores entregarão soluções prontas para atender esse nicho, diferentemente do que está acontecendo hoje, quando a plataforma envolve muito serviço

Para entrar em SOA é preciso planejar. Confira abaixo as dicas da IDC:

– Tenha clareza no foco: geração de valor ao negócio
–  Crie um plano estratégico de 3 a 5 anos
–  Construa um Business Case: entenda os motivos e as implicações e
requerimentos em TI
–  Adote abordagem abrangente para SOA. Evite pensar em
silos, para garantir maior interoperabilidade.
 – O valor ao negócio é atingido de pouco a pouco. Comece com projeto
pequeno para provar o valor, mas busque rápida escalabilidade.
– Procure aprender com a experiência de outras empresas para evitar
armadilhas
– Desenhe para reutilização e independente de qualquer tecnologia.
– Defina uma arquitetura lógica e os serviços baseando-se nos negócios e
não nos sistemas.
-Obtenha o suporte da alta direção

Fonte: http://wnews.uol.com.br/site/noticias/materia_especial.php?id_secao=17&id_conteudo=425

A Microsoft criou uma auto-avaliação rápida baseada em práticas comuns de negócios que pode ajudar a criar uma radiografia de sua capacidade atual de SOA e Processos de Negócios.

https://www.microsoft.com/almassessment/Pages/CreateAssessment.aspx

Categorias:Artigos